Notícias
Brasil abre mercado e envia milho à China
segunda-feira, 24 de novembro de 2014

1

Pequim – Um navio carregado de milho partiu em meados de setembro do Brasil e deve chegar nos próximos dias à China. É o primeiro embarque desde que o mercado chinês foi oficialmente reaberto ao cereal brasileiro, no fim de março.

O envio foi comemorado como um avanço pelas autoridades brasileiras, mas não clareou as incertezas que ainda cercam a exportação de milho para a China. A maior dúvida é em relação a uma variedade de milho transgênico usada no Brasil, MIR 162, que não foi aprovada pelo Ministério da Agricultura chinês.

EXPORTADORES

A variedade também é a mais usada pelos produtores dos EUA e da Argentina, que ao lado do Brasil estão entre os três maiores exportadores de milho do mundo.

No início do ano, a China barrou um carregamento do cereal procedente dos EUA, alegando ter detectado indícios da variedade MIR 162.

O carregamento que está a caminho da China não deve ter problemas, pois supostamente contem milho convencional ou de variedades transgênicas já aprovadas.

O caminho para as vendas de milho do Brasil para a China foi aberto em novembro do ano passado, com o acordo fitossanitário assinado entre os países.

ENVIO

O primeiro envio só está ocorrendo agora, dez meses depois, devido às dúvidas sobre a aprovação de sementes geneticamente modificados por parte das autoridades chinesas.

Para tratar dessa e de outras pendências, o ministro da Agricultura do Brasil, Neri Geller, planeja ir em meados de novembro a Pequim.

 

Fonte: O Popular

segunda-feira, 24 de novembro de 2014